caju-01Originário do Nordeste do Brasil, o cajueiro foi levado para as Índias pelos portugueses no século XVI. Os portugueses se interessaram pelo caju (que os índios chamavam de acaju) depois que ficaram conhecendo suas propriedades medicinais e o fato de que o pendúculo da castanha podia ser fermentado para a obtenção de um bom vinho.

É uma das mais importantes fruteiras nordestinas e, ao contrário do que muita gente pensa, o seu fruto não é o caju: é a castanha. O cajueiro é uma árvore de grande porte, podendo atingir até 20 metros de altura, de caule tortuoso e que floresce melhor em regiões de pouca chuva (precipitações entre 800 e 1.000 milímetros), como é o caso do Nordeste.



cajueiro-01