Acontecia durante o inverno com o objetivo de reunir o gado de vários fazendeiros e fazer a divisão do rebanho, pois o gado era criado solto nas terras sem divisas do sertão nordestino. Escolhia-se um grande curral de uma fazenda e, ali, além do trabalho da divisão do rebanho, era promovida uma festa para divertir os vaqueiros, com derruba de touros, cantoria de viola etc. Origem das tradicionais vaquejadas ainda muito comuns no Nordeste.