Batida - Bebida aperitiva muito consumida, sobretudo, na época de carnaval. É uma mistura de cachaça, açúcar e o suco de uma fruta regional. Servida gelada. Experimente uma batida de pitanga, caju ou tamarindo.

Cachimbo - Bebida feita com mel de abelha e cachaça-de-cabeça, oferecida pelo dono da casa aos amigos que vão visitar a criança recém-nascida. É preparada tão logo se tem notícia da gravidez e aberta quando do nascimento da criança.

Caldo de cana - Obtido da cana-de-açúcar prensada, é preparado na hora e servido, puro ou com gotas de limão, gelado, quase sempre acompanhado com pão-doce. Gostoso, barato e nutritivo.

Capilé - Espécie de xarope feito à base de tamarindo, muito comum em algumas cidades do interior do Estado. Modo de servir: colocar dois dedos de capilé num copo e completar com água gelada.

Raspa-raspa - É um refresco primitivo preparado na frente do freguês, com gelo raspado misturado a essências coloridas de vários sabores. Vendido em carrocinhas, sobretudo, nas praias e outros lugares de grande concentração como estádios de futebol e portas de clubes.