curta nossa página no facebook / Like us at Facebook Entre em nossa comunidade do orkut / Join us at orkut Siga-nos no Twiiter / Follow us at TwitterSiga-nos no Linkedin / Follow us at LinkedInAdicione-nos em seu círculos / Add us at your circles

Marcos Cley

Marcos Cley grava seu primeiro CD, com muito frevo, samba e maracatu

marcos-cleyCompositor e cantor, Marcos Cley nasceu a 19 de fevereiro de 1949, na cidade de Goiana, Zona da Mata pernambucana, de onde veio, aos 09 anos de idade, para Olinda, na Região Metropolitana do Recife. Aos 14 anos já rabiscava suas primeiras letras de canções, mas foi só aos 23 anos que passou a encarar a criação musical como uma possibilidade de atuação profissional.

A princípio, Marcos Cley compunha suas canções e guardava. Os gêneros iam do forró ao xote, do samba ao frevo, chegando e até o bolero. Em 1978 passou a freqüentar as quadras de escolas de samba do Recife e cidades vizinhas. Logo em seguida, firmou-se como compositor e cantor da Preto Velho, escola de samba do Alto da Sé, em Olinda. Daí em diante, não parou mais.

Registrado na Ordem dos Músicos do Brasil (OMB) sob o número 4.206 (desde dezembro de 1979), é também sócio da União Brasileira de Compositores (UBC) e canta profissionalmente desde 1980. Naquele mesmo ano teve suas primeiras canções gravadas: um frevo-canção e um jingle comercial interpretados pelo cantor Expedido Baracho, num compacto simples da Gravadora Rozemblit.

Em 1975 Marcos Cley teve algumas de suas canções gravadas em discos de amigos e em 1994 duas de suas composições (“Clara Guerreira”, em homenagem à cantora Clara Nunes, e “Bacalhau do Batata”) foram incluídas no CD da Banda Pingüim daquele ano. Ao longo da carreira, o compositor fundou dois grupos musicais: o “Marcos Cley e Seus Baquetas de Ouro” (1983) e “Marcos Cley e Seus Batutas de Ouro”, este constituído em meados de 1985.

Marcos Cley gravou o seu primeiro CD em 2011, especialmente para o carnaval. Trata-se do título “Marcos Cley Nos Trinkis”, com 13 frevos-canção, 02 frevos de bloco, um maracatu e 04 sambas. Os arranjos foram do próprio autor e de Wellington de Olinda e Fábio Valois; fotos de Josué Mariano; arte de Geos Designer e estúdio de Jr. Mídias.

Contatos com o compositor: Telefones. (81) 3439-0503 e (81) 8614-1172

Endereço eletrônico: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Powered by Bullraider.com

Parceiros

Publicidade

PE A-Z © Todos os direitos reservados

Console de depuração do Joomla!

Sessão

Informação do perfil

Memória Utilizada

Consultas ao banco