Designer e artista plástico, nasceu em 1927, no Recife, onde foi um dos fundadores do ateliê O Gráfico Amador. Em 1963, participou, no Rio de Janeiro, da organização da Escola Superior de Desenho Industrial e foi o vencedor do primeiro concurso brasileiro de símbolos e marcas, promovido pela Universidade de Brasília. Responsável, em 1968, pelo desenho das cédulas do cruzeiro novo.

Era considerado pioneiro da comunicação visual no Brasil e realizou projetos para várias empresas e instituições. Em 1975, fundou o Centro Nacional de Referência Cultural e, em 1979, ocupou o cargo de secretário do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. Foi, ainda, o criador da Fundação Nacional Pró-Memória. Morreu em 1982.