curta nossa página no facebook / Like us at Facebook Entre em nossa comunidade do orkut / Join us at orkut Siga-nos no Twiiter / Follow us at TwitterSiga-nos no Linkedin / Follow us at LinkedInAdicione-nos em seu círculos / Add us at your circles

Bebidas - Vinho

A produção vitivinícola brasileira não está restrita ao sul do país. No calor dos trópicos, em meio ao sertão nordestino, o Vale do São Francisco, situado entre os paralelos de latitude 8º e 9ºS, nas terras limítrofes dos Estados de Pernambuco e Bahia, vem tornando-se destaque na produção de uvas viníferas.

O cultivo de uvas foi introduzido no semiárido brasileiro desde a década de 1950 e, hoje, o Vale é responsável por quase 100% da uva de mesa produzida no Brasil, tanto para o mercado interno quanto para a exportação. Já a vitivinicultura – cultivo de uvas destinadas à elaboração de vinhos – é uma atividade mais recente, teve início nos anos 1980, e está sendo desenvolvida com excelentes resultados.

O município pernambucano de Petrolina, que estava consolidado como grande produtor e exportador de uvas de mesa, agora vê desencadear a sua produção de vinhos finos.

O Vale do São Francisco é a única região no mundo onde são produzidas entre duas a três safras ao ano – nas demais áreas produtoras ocorre apenas uma safra anual. Seu grande diferencial são as condições climáticas – de muitas horas de sol – e a irrigação a partir das águas do Rio São Francisco, essa combinação permite que vários ciclos da videira ocorram ao mesmo tempo, podendo-se colher a qualquer época do ano.     

Em 1984, começaram a brotar os primeiros vinhedos do Vale, mas foi nos fins dos anos 1990 que os investimentos em pesquisa e na implantação de técnicas adequadas às características do clima ganharam força. A partir de 1999, investidores franceses, portugueses e gaúchos foram atraídos pelos aspectos climáticos e pelos bons vinhos elaborados. Pesquisas e testes ainda estão sendo realizados a fim de definir uvas e metodologias com melhor adaptação. Entre as uvas testadas, encontraram bons resultados a casta espanhola Tempranillo, a francesa Petit Verdot e a italiana Barbera, além da francesa Sirah, que desde o início havia se adaptado bem à região.

O Vale compreende os municípios pernambucanos de Petrolina, Santa Maria da Boa Vista e Lagoa Grande e os baianos de Juazeiro, Casa Nova, Curaçá e Irecê.  Ocupando uma área de aproximadamente 700 hectares, é responsável pela produção anual de sete milhões de litros de vinhos finos e é a segunda maior região produtora do país – representa 15% da produção nacional, atrás apenas do Rio Grande do sul. A atividade oferece, ainda, cerca de 30 mil empregos diretos e indiretos.

Entre os vinhos finos produzidos no Vale do São Francisco, encontrados no mercado, estão Rio Sol (Vinibrasil), Botticelli (Vinícola Vale do São Francisco Ltda.); Bianchietti (Adega Bianchietti Tedesco Ltda); Carrancas e Garziera (Vitivinícola Lagoa Grande Ltda.); Château Ducos (Ducos Vinícola Comércio Indústria e Expostação); Terra Nova, Almadén Syrah e Miolo (Ouro Verde Ltda). Também há fabricação de vinhos de mesa, como Vinho do Vale, produzido pela Vitivinícola Vale do Sol Ltda.

vinho peaz

Fontes consultadas:

AMARANTE, J. O. A. Os segredos do vinho para iniciantes e iniciados. São Paulo: Mescla, 2005.

DIAS, P. P. e VITAL, T. W. O desenvolvimento do enoturismo no Vale do São Francisco: um segmento em expansão. Turismo em análise. São Paulo, vol. 23, n. 3, p.643-662, dez. 2012. Disponível em: <http://www.turismoemanalise.org.br/turismoemanalise/article/view/268>;. Acesso em: 07 jul. 2014.

QUEIROZ JÚNIOR, F. A. O vinho sertanejo do Vale do São Francisco: uma viagem a Petrolina. Nordeste Rural, Rio de Janeiro, nov. 2013. Disponível em: <http://www.nordesterural.com.br/nordesterural/matler.asp?newsId=10665>;. Acesso em: 12 mai. 2014.

VINHOVASF. Notas técnicas. Disponível em: <http://www.vinhovasf.com.br/site/arquivos/NotasTecnicas.pdf>;. Acesso em 12 mai. 2014.

Powered by Bullraider.com

Parceiros

Publicidade

PE A-Z © Todos os direitos reservados

Console de depuração do Joomla!

Sessão

Informação do perfil

Memória Utilizada

Consultas ao banco