curta nossa página no facebook / Like us at Facebook Entre em nossa comunidade do orkut / Join us at orkut Siga-nos no Twiiter / Follow us at TwitterSiga-nos no Linkedin / Follow us at LinkedInAdicione-nos em seu círculos / Add us at your circles

Doces e Bolos - Bolo de Noiva Pernambucano

Os bolos de casamento no Brasil são dos mais diversificados sabores, pode ser de chocolate, branco com recheio de doce de leite ou nozes, ter a massa de pão-de-ló, as receitas variam de acordo com as preferências dos noivos. Em Pernambuco, no entanto, o bolo de noiva se difere de todas as demais receitas de bolo de casamento espalhadas pelo país. Aqui, serve-se um típico bolo de ameixa, de massa mais molhada e escura, resultado da herança britânica no estado.

A receita é, provavelmente, uma variação do Christmas pudding, famoso bolo servido nos festejos natalinos da Inglaterra, que chegou ao Nordeste do Brasil no século XVIII com imigrantes ingleses. Sua fórmula original foi adaptada, aqui, pelas mãos das senhoras de engenho de acordo com os ingredientes disponíveis na região.

O bolo, que inicialmente contava com cerejas, teve esse ingrediente substituído por ameixas desidratadas. Nesse processo de substituições foram também agregadas à massa as frutas cristalizadas e a uva-passa, o que resultou num bolo de sabor ainda mais marcante. Da receita britânica, sobrou apenas a utilização de vinhos fortificados de sobremesa em sua massa.

A tradição exige também que o bolo seja coberto e decorado com uma deliciosa camada de glacê branco de açúcar, herança da riqueza colonial açucareira do Estado. Segundo as tradições, para trazer sorte, o casal deve guardar congelado um pedaço do bolo de seu casamento e comê-lo no primeiro aniversário de núpcias. Por conter vinho ao invés de leite em sua fórmula, o bolo garante uma durabilidade que pode chegar a anos, se conservado em geladeira.

BOLO DE NOIVA PERNAMBUCANO

Ingredientes:


1,2 kg de manteiga
1,2 kg de farinha de trigo
18 ovos
800g de ameixa
1,2 kg de açúcar refinado
800g de frutas cristalizadas
800g de passas pretas
30g de fermento químico
600 ml de vinho do porto ou licoroso
30 ml de conhaque
1 pitada de cravo em pó, noz-moscada, e canela em pó a gosto
Raspa de 1limão

Preparo:


1. Deixe as passas de molho no vinho de um dia para o outro.
2. Bata a manteiga com o açúcar por 5 minutos ou até formar um creme esbranquiçado. Junte os ovos e bata até ficar homogêneo.
3. Acrescente as raspas de limão, a noz, moscada, o cravo e a canela.
4. Em seguida, a farinha e o fermento peneirados
5. Junte as ameixas (que devem ter sido cozidas e espremidas) e as frutas cristalizadas bem trituradas
6. Adicione o conhaque e o vinho com as passas
7. Aqueça o forno em temperatura média. Forre duas formas com papel manteida e unte com bastante manteiga. Polvilhe farinha e divida a massa entre as duas formas.
8. Asse por 55 minutos ou até que, ao espetar um palito, ele saia limpo.

Para que o bolo não queime, coloque uma assadeira com água dentro do forno.

 


Fontes consultadas:

ALBERTIM, B. Trópico açucarado. Engenho de Gastronomia. Recife, n. 7, p. 15-22, ago/set. 2005.

OLIVEIRA, C. E. Jóia para casar: adaptação do Christmas podding ingês, o bolo de noiva pernambucano é uma das mais ricas tradições casamenteiras. Revista Gula. São Paulo, n.243, p. 38-41, mai. 2013.

Powered by Bullraider.com

Parceiros

Publicidade

PE A-Z © Todos os direitos reservados

Console de depuração do Joomla!

Sessão

Informação do perfil

Memória Utilizada

Consultas ao banco